Mauro Kwitko Cds

Clique no Cd desejado para ouvir trechos das músicas ou realizar sua compra.

Palavras do Mauro Kwitko sobre os seus 4 cd’s, Hinos de Amor, Hinos de Paz, Hinos de Fé e Invisible Friends:

Desde criança eu tenho o dom de criar, ou receber, em minha mente, linhas melódicas e letras. Em uma regressão, me vi em uma encarnação na Grécia em que era músico e tocava uma espécie de harpa, me vi em um jardim tocando, tocando, que vida boa.

Nessa atual encarnação, nas décadas de 70, 80 e 90 me dediquei à música de uma maneira semi-profissional, tendo participado do Movimento “Música Popular Gaúcha”, de inúmeros Festivais de Música em Porto Alegre e no interior do Rio Grande do Sul, toquei em vários bares de Porto Alegre, residi durante 6 anos no Rio de Janeiro após Ney Matogrosso ter gravado “Mal Necessário” que compus especialmente para ele, depois gravou “O Último Drama” em parceria minha com Carmen Seixas e “Jeito de Amar” em parceria com Pisca, fui contratado das gravadoras Warner e Odeon, e, embora contratado, remanescente da geração Peace and Love da década de 70 e ex-escritor undergroud russo e ex-mendigo (em vidas passadas) me recusava a gravar em multinacionais, e fiquei nessa luta inglória até que o meu pai desencarnou e começou a me aparecer durante meu sono, me aconselhando a retornar a Porto Alegre e voltar a me dedicar exclusivamente à Medicina, que eu havia me comprometido com uma Missão antes de reencarnar e precisava cumpri-la. Como comentário, um dia encontrei no fundo de um armário, entre muitas pastas com poesias, escritos em geral e letras de músicas, de décadas atrás, uma letra que dizia, em um certo momento, assim: “Lembra das promessas, das preces e da pressa em voltar”, bem mais tarde, fui entender o que isso significa.

Após meu retorno à Porto Alegre voltei a trabalhar como médico-pediatra, realizei o Curso de Formação em Homeopatia de 3 anos em Curitiba com o Dr. Gamarra, realizei Cursos com alguns criadores de Sistemas Florais, ministrei Curso dessa Terapia durante alguns anos e escrevi um livro, “Terapia com Florais – a medicina dos pensamentos e dos sentimentos”, trabalhei como médium em Centros Espíritas, no Ramiro D’Ávila, no Fraternidade e na Casa da Luz. Durante uma época em que trabalhei no Centro de Umbanda branca da Zilá Machado, cantora da noite e Mãe de Santo, recebi várias músicas de um Espírito desencarnado de nome Laine e gravei o Cd “Invisible friends” pelo Fumproarte. Mais tarde, lancei de forma independente um k7 intitulado “Canto para a Nova Era”.

Em 1996 comecei a desenvolver a Psicoterapia Reencarnacionista e a escrever livros a esse respeito, palestrar e ministrar Cursos de Formação dessa nova psicoterapia baseada na Reencarnação, e de alguns anos para cá venho recebendo Hinos Espirituais, até o momento mais de 200 Hinos, dos quais alguns estão aqui. A renda da venda dos Hinos servirá para a minha aposentadoria, pois descobri que o tempo não para e nem tem dó dessa matéria.

Os Hinos servem para facilitar uma maior sintonia com os Seres Espirituais. Um Hino é diferente de uma música, é uma Mensagem, é música para os chakras superiores e, como tal, deve ser escutada e não apenas ouvida, necessita de concentração, paz e quietude interior para que, através da letra, possamos subir rumo ao nosso Eu Superior, onde residimos verdadeiramente. Os Hinos continuam chegando, estou gravando e irei colocando-os aqui à disposição dos irmãos e irmãs.

Desejo a todos nós uma feliz encarnação, plena de sucesso espiritual.